Carnes americanas

Qualidade da fazenda à sua mesa

 

Carnes americanas

Qualidade da fazenda à sua mesa

1
1

Quem somos

 

Somos a Federação de Exportadores de Carne dos Estados Unidos (USMEF: U.S. Meat Export Federation), uma associação sem fins lucrativos que promove e facilita o comércio de carne bovina, suína e de cordeiro dos Estados Unidos para o resto do mundo. A USMEF foi fundada em 1976 e é reconhecida como um endosso da excelente qualidade da carne vermelha americana em mais de 123 países onde opera.

Siga o passo a passo

 

Tudo o que se relaciona à boa carne, contado por um especialista

O melhor em carnes

As indústrias de carne bovina e suína dos Estados Unidos são reconhecidas mundialmente pela eficiência da produção, a tecnologia empregada no processamento, a qualidade dos produtos e os elevados padrões de segurança com que operam.
Exportadores de carne americana

Apresentações

Dependendo do seu interesse, a carne vermelha dos Estados Unidos é exportada em diferentes apresentações:

Soluções para serviços de alimentação:
Cortes premium: carne bovina ou suína para aprimorar seu cardápio.
Cortes diários: deliciosas opções de proteína para seus almoços e jantares.
Ingredientes de carne: coberturas de pizza/salada, ingredientes totalmente cozidos, hambúrgueres, carne moída em formato de hambúrguer, mas sem temperos ou aditivos etc. Temos tudo o que seu negócio pode precisar.

Soluções para o varejo
Cortes premium: carne bovina ou suína; inteiros ou em porções.
Cortes diários: inteiros ou em porções.
Produtos de valor agregado: todas as marcas de produtos de carne agora disponíveis para suas lojas. Temos embutidos, enlatados, congelados, cortes marinados, empanados etc.

Exportadores de carne americana

Qualidade única

Exportadores de carne americana

Variedade de cortes

O rebanho de suínos nos Estados Unidos é de 71 milhões de cabeças e o de bovinos de 103 milhões, o que permite a produção de 11 milhões de toneladas de carne suína e 12,4 milhões de toneladas de carne bovina.
O país é um dos principais exportadores de carnes vermelhas do mundo, com cortes disponíveis o ano todo. Além disso, por ser uma indústria tão grande, é possível encontrar todos os sistemas de produção e todas as variedades de raça que desejar ou precisar para o seu negócio.
Exportadores de carne americana

Cadeia de frio

Para garantir a qualidade das carnes que chegam à sua mesa, devemos identificar e contatar importadores de cada país interessados em desenvolver sistemas logísticos e de refrigeração que assegurem a conservação das carnes até o seu destino final.
Refrigeração e congelamento são os métodos mais seguros para evitar a deterioração da carne.
O bom congelamento aumenta a vida útil da carne ainda mais do que a refrigeração, SEM afetar suas propriedades nutricionais ou organolépticas.
A carne é rapidamente congelada – nas fábricas de origem – pelo processo IQF (Individual Quick Frozen, na sigla em inglês) em túneis de congelamento a -18oC. Essa técnica evita a produção de cristais de gelo grandes e pontiagudos, que podem romper o músculo e causar perda excessiva de líquido durante o descongelamento (perda de qualidade).
Para não perder suculência e manter intactas suas propriedades de textura e sabor, a carne deve ser descongelada lentamente. Ou seja, deve ser movida do freezer para o fundo da geladeira antes de ser usada.
Exportadores de carne americana

Us Meat

Conheça
sua carne

1
Costela Um dos cortes mais populares utilizados na cozinha de diversos países. Dentro deste corte podemos encontrar: • As costelas inteiras (spareribs), famosas e incomparáveis em sabor e substância, costumam ser maiores e mais pesadas que as back ribs (costelas posteriores). Você encontrará neste corte as famosas costelas St. Louis e os brisket bones (ossos do peito). • A pancetta (pork belly) é um corte desossado obtido na parte inferior do corpo, após a retirada do lombo e das costelas. • O toucinho (bacon) é um produto de carne curada e defumada da barriga.
2
Lombo e costeleta Vêm da área entre o ombro e o início da perna. São vendidos com osso (costeletas) ou desossados. O lombo assado com osso tende a ser mais suculento e saboroso. O filé mignon às vezes é confundido com o lombo, mas não são a mesma coisa: o filé mignon é um corte menor.
3
Acém É a parte superior do quarto dianteiro, a área próxima às costas, e contém a escápula. É um corte versátil, que pode ser cozido inteiro, cortado para ensopados ou assado ao forno. É comumente preparado com molho barbecue. Seja assado, cozido em fogo baixo ou grelhado, a paleta se desfaz suavemente e seu sabor é delicioso. É usada frequentemente para fazer carne de porco moída.
4
Paleta É a porção mais baixa do quarto dianteiro. Contém dois ossos redondos, que são expostos em ambas as extremidades, e geralmente é vendida com pele. A abundância de tecido conjuntivo proporciona um sabor rico e defumado, ideal para refogar, grelhar e assar. Métodos de cocção longos e lentos dão os melhores
5
Pernil A perna de porco fresca, também conhecida como pernil, é o membro posterior (não curado) do porco. Está disponível com e sem osso e pode ser comprada inteira ou em metades. É um corte reconhecido pela versatilidade.
Chuck Meat
Brisket
Rib
Plate
Short Loin
Tenderloin
Sirloin
Top Sirloin
Flank
Bottom Sirloin
Round
Shank

Nossos membros